Abrir o próprio negócio é definitivamente o sonho de muitos brasileiros. Ser o seu próprio chefe, trabalhar com o que gosta, ter mais flexibilidade e liberdade de horários são algumas das vantagens de quem decide entrar nesse universo. Parece ótimo, não é mesmo? Entretanto, alguns erros cometidos por empresários podem colocar tudo a perder.

Pensando nisso, para que você obtenha sucesso em sua empreitada, criamos esse post onde mostraremos 8 erros comuns que os empresários praticam e que você deve evitar . Acompanhe!

1. Não delegar funções

Ser centralizador é um dos frequentes erros cometidos por empresários. Em grande parte das vezes, eles acreditam que sozinhos conseguirão realizar determinadas tarefas e não as repassam aos seus colaboradores. O resultado é um acúmulo grande de trabalho, fazendo com que eles não sejam realizados da melhor maneira possível.

Um empresário de sucesso é aquele que sabe escolher os seus funcionários e, dentre eles, consegue perceber as melhores habilidades de cada um, de modo a distribuir com eficácia cada tarefa da empresa.

2. Deixar de ouvir os clientes

Aqui, não estamos falando apenas de saber receber críticas, mas sim de escutar e conhecer o cliente. O empresário precisa saber por que o consumidor opta ou não pelos seus produtos e serviços, seja para redirecionar o que oferece para o público certo ou para melhorar aquilo que os consumidores não consideram ideal.

Para realizar essas ações, o empreendedor precisa necessariamente escutar a opinião dos clientes — e existem muitas maneiras de se fazer isso: por meio das redes sociais, pesquisas de satisfação ou contato direto são apenas alguns exemplos.

3. Misturar finanças pessoais e empresariais

Um erro grave que acomete muitos empreendedores — principalmente os iniciantes ou donos de pequenos negócios — é misturar as finanças pessoais com as da empresa.

Em um primeiro momento, pode parecer mais prático ter apenas um cartão de crédito e utilizar a mesma conta para tudo, afinal, o dinheiro da empresa vai ser usado em sua vida pessoal, correto? Não!

O dinheiro da empresa é da empresa! Sendo assim, separe sempre as duas finanças. Para facilitar, estipule um pró-labore a ser retirado todos os meses e use contas diferentes.

4. Estar desfocado

Estar sempre focado e determinado a alcançar objetivos é uma missão difícil, mas que deve ser trabalhada por aqueles que desejam ser empresários de sucesso. Isso não quer dizer que você precise estar todos os dias de bom humor e disposto, mas sim que, enquanto estiver trabalhando, você se dedique ao seu trabalho.

Não se esqueça de que o empresário é o exemplo para todos os outros funcionários da empresa, portanto, enquanto ele estiver dentro da organização, é necessário que demonstre foco e entusiasmo.

5. Não solicitar e não dar feedback aos funcionários

Dar ou receber um feedback no mundo empresarial significa passar uma resposta ao trabalho que está sendo feito. Essa ação é muito importante para que a empresa possa avaliar o desempenho dos funcionários e da organização como um todo, permitindo que cada parte corrija seus erros e aprimore aquilo que já está dando certo.

O empreendedor deve criar uma maneira de tornar essa dinâmica rotineira. É essencial lembrar que não adianta apenas repassar aos funcionários o parecer a respeito do trabalho deles, é preciso também ouvir o que eles têm a dizer.

Outro detalhe importante é que nem sempre o feedback repassado pelos funcionários é positivo. Por esse motivo, o gestor precisa estar preparado para lidar com situações como essas.

6. Tratar marketing como despesa

No mundo digital em que vivemos, aqueles empreendedores que tratarem o marketing como despesa ao invés de investimento podem estar caminhando para o fracasso. Mas, o que isso quer dizer exatamente?

Bom, se você tratar o marketing como uma despesa, ele provavelmente será um dos primeiros setores a serem cortados em tempos de dificuldade. Acredite, essa ação tornará mais difícil ainda a vida da organização.

O marketing deve estar sempre posicionado no lado de investimentos da planilha, ou seja, aquele lado que resulta em lucros. A partir daí, basta ter um bom plano de marketing, focado nas necessidades do cliente, nos produtos e nos serviços. Dessa forma, a empresa definitivamente terá resultados cada vez mais positivos.

7. Não possuir um plano de negócios

Talvez, o plano de negócios seja o item mais importante e crucial para o bom funcionamento da empresa. Os empreendedores que não tiverem um bom plano com certeza ficarão perdidos em algum momento da vida empresarial.

O plano de negócios é criado antes mesmo das portas da empresa abrirem. Nele, estarão definidas as informações da organização e como ela vai agir em todas as suas esferas. Sendo assim, é preciso colocar tudo no papel (ou no computador).

Ele serve também para mostrar aos possíveis investidores os planos da companhia e qual é o retorno esperado, para que eles analisem se o negócio é mesmo interessante.

Veja a seguir alguns itens que devem constar no plano de negócios:

  • localização;
  • número de funcionários;
  • missão, visão e valores;
  • produtos e serviços oferecidos;
  • planejamento estratégico;
  • plano de marketing;
  • plano operacional.

8. Deixar de seguir um planejamento

O planejamento define quais são os objetivos da empresa e como ela criará estratégias para que eles sejam realizados. Para tanto, leva-se em conta fatores do ambiente interno e externo, como a análise do mercado, da concorrência e do comportamento do consumidor.

Esse tipo de planejamento é muito importante para o sucesso do negócio, já que procura prever o futuro da organização. Normalmente, ele é dividido em financeiro, estratégico, tático e operacional. Sua finalidade, então, é poder analisar e realizar as mudanças necessárias para que a empresa consiga melhorar os seus resultados.

Como você pode perceber, ter o próprio negócio demanda muitos cuidados e entrega, mas o resultado pode ser maravilhoso! Se você está pensando em seguir por esse caminho e ser o dono da própria empresa, não deixe de considerar essas 8 dicas essenciais.

Agora que você já aprendeu quais são os principais erros cometidos por empresários que levam a empresa ao fracasso, compartilhe o post em suas redes sociais e faça com que seus amigos empreendedores obtenham sucesso na vida profissional, assim como você!

0 42