Muitas pessoas têm o sonho de empreender. Contudo, numa economia instável e num mercado cada vez mais competitivo, o sonho do empreendedorismo acaba dando espaço para dúvidas, inquietações, medo do investimento e completa inércia, com o abandono do ideal empreendedor.

Nesses casos, uma boa forma de conseguir aliar o desejo de abrir o próprio negócio com um pouco mais de segurança é por meio do mercado de franquias, que está em plena ascensão no Brasil. Todos os anos, milhares de novas empresas surgem no país, mas poucas delas conseguem sobreviver às intempéries e crises próprias do cenário econômico.

Isso se deve, em muitos casos, à falta de planejamento e profissionalismo no exercício das atividades empresariais. Empresa, embora seja um termo usado comumente para se referir ao estabelecimento onde as atividades comerciais são desenvolvidas, na verdade, tem outra conotação.

Ele se refere a uma atividade econômica exercida de forma profissional e organizada, sem amadorismos. Por isso, para um negócio ser bem-sucedido, não adianta contar apenas com a sorte. É preciso investir tempo e trabalho árduo para fazê-lo prosperar.

Mas, decerto, existem investimentos que apresentam um grau de segurança maior, como é o caso das franquias. Nesse tipo de iniciativa, o risco de insucesso é reduzido, visto que já existe todo um trabalho realizado anteriormente pelo franqueador, como inteligência de mercado, planejamento estratégico, análise dos riscos, strategic sourcing etc.

Na maioria dos casos, ele vai passar para o franqueado o know-how do negócio, apontando os melhores caminhos a seguir em busca do sucesso na nova atividade, além de oferecer treinamento e suporte para o novo empreendedor.

Assim, as chances de êxito se tornam consideravelmente maiores do que seriam caso você começasse do zero, dando início a uma nova marca. Mas existem várias franquias, dos mais variados portes e segmentos.

Embora seja um empreendimento mais seguro, é preciso escolher o ramo de atividade para depois optar por uma marca específica. E falando nesse assunto, o mercado de franquias fitness tem crescido bastante nos últimos anos, e se mostrado um investimento promissor para os que têm o sonho de se lançar no mundo do empreendedorismo já com o pé direito.

Vamos ver um pouco mais sobre como funciona isso na prática? Nesse post, vamos falar sobre tudo que você precisa saber sobre o mercado de franquias fitness. Continue acompanhando e tenha uma boa leitura!

Mudanças de hábitos das pessoas

Para compreender melhor as razões pelas quais o mercado de franquias fitness se revela um excelente investimento para quem quer dar os primeiros passos na vida empresarial ou mesmo para quem quer mudar de área ou expandir os seus negócios, vamos começar falando sobre as principais questões que envolvem o sucesso da área no Brasil.

Cada vez mais pessoas vêm se preocupando com a saúde ao longo dos anos. Hoje, a busca por um corpo e mente saudáveis não é mais uma característica restrita a algumas pessoas. Essa atitude deixou de ser um diferencial para tornar-se um verdadeiro pré-requisito de quem deseja ter uma vida ativa e feliz. E isso perpassa por várias ações, como aderir a uma alimentação saudável, investir no lazer, realizar procedimentos estéticos e praticar atividades físicas regularmente.

Um número cada vez maior de pessoas se preocupa em envelhecer com mais saúde e qualidade de vida. Para tanto, elas estão se cuidando cada vez mais cedo, tanto para reduzir os reflexos do avanço da idade e manter a aparência sempre jovem, quanto para poder desfrutar de bom condicionamento físico e rendimento no trabalho e nas suas atividades do dia a dia. Isso sem contar com a vaidade própria do povo brasileiro.

Há alguns anos, não se falava tanto na busca pelo corpo perfeito, pela barriga negativa e pelos músculos tão torneados quanto se fala agora. A preocupação em manter-se eternamente jovem assume o protagonismo absoluto na checklist de desejos da maioria da população, principalmente das mulheres.

Essa nova caricatura da sociedade brasileira reflete nos padrões de consumo da população, tanto no consumo de produtos quanto no consumo de serviços — dentre eles, o prestado pelas inúmeras academias de ginásticas espalhadas por todo o Brasil.

Hoje em dia, praticar exercícios físicos regularmente, seja em qual modalidade for, é um imperativo de saúde, fomentado até mesmo pelas empresas que desejam expandir o potencial e a produtividade dos seus colaboradores.

Atualmente, ninguém mais discute ou duvida dos benefícios que a atividade física traz para a vida das pessoas, tanto no que se refere a disposição e saúde quanto no que diz respeito ao bem-estar mental, emocional, ao alívio do stress e regulação das emoções.

Esse novo panorama tem despertado a atenção dos empresários, que cada vez mais têm investido no mercado fitness.

Crescimento do mercado fitness

O mercado fitness cresceu significativamente nos últimos anos — e não estamos falando apenas das academias de ginásticas. Estão ligados a esse setor vários outros produtos e serviços.

Ele deu margem não apenas à busca por mais qualidade de vida, como também fez surgir um universo próprio, delineado por uma moda peculiar, alimentação diferenciada, e, também, inúmeros procedimentos estéticos. Hoje, o Brasil já é um dos maiores mercados fitness do mundo.

A busca pela beleza e por um corpo perfeito tem criado, de forma crescente, vários novos negócios no país. O Brasil está no ranking dos maiores mercados de beleza do mundo, sendo o campeão em realização de cirurgias plásticas e em consumo de artigos de perfumaria, ocupando a segunda e terceira posições, respectivamente, nos cuidados com o cabelo e na aquisição de cosméticos.

Agora, o país também passou a exercer o protagonismo no setor de academias de ginástica, possuindo mais trinta e dois mil estabelecimentos espalhados pelas várias regiões, o que lhe rendeu o status de segundo maior mercado de academias do mundo, ficando atrás apenas dos Estados Unidos, segundo dados da Associação Internacional do Mundo Fitness — IHRSA.

Segundo informações do site do Sebrae, o mercado vem apostando de maneira cada vez mais forte no interesse e disposição dos brasileiros em praticar exercícios físicos no seu tempo livre. Entre os anos de 2007 e 2012, ocorreu um crescimento de 133% no número de micro e pequenas empresas brasileiras que investiram no setor fitness, saindo da marca dos 9,3 mil estabelecimentos naquele ano para 21,7 mil empresas apenas cinco anos depois.

A título de exemplo, somente no estado de Minas Gerais, um levantamento do Conselho Regional de Educação Física (CREF-MG) apontou que o número de academias de ginástica aumentou em 153%. O panorama da capital Belo Horizonte revelou um crescimento de 72,5%, com a abertura de 174 novas unidades na cidade.

Seja em razão da busca por uma maior qualidade de vida ou tão somente por questões estéticas, o  mercado fitness movimenta, anualmente, mais de US$ 2 bilhões, conforme dados da revista da Associação Brasileira de Academias — ACAD Brasil.

É certo que esse movimento e a expansão do mercado promovem avanços nas oportunidades de negócios. Por conta disso, o setor fitness tem tudo para continuar impulsionando os pequenos e médios negócios no país.

No portal do Sebrae, as academias de ginástica estão entre os negócios mais procurados pelos internautas empreendedores — e, se depender deles e do púbico, cada vez maior e mais fiel, esse é um setor cuja tendência, mesmo com as crises, é continuar crescendo.

Previsões para o mercado fitness no futuro

Para o futuro no segmento do mercado fitness, a previsão continua animadora. Embora o Brasil esteja enfrentando uma crise política e financeira — o que, de início, alarma para uma maior retração na procura por bens e serviços menos essenciais —, conforme já falamos, o brasileiro tem considerado cada vez mais relevante a prática de atividades físicas, e esse é um gasto difícil de ser cortado do seu orçamento.

Além do mais, no que se refere às tendências do próprio mercado, verifica-se que, para manter-se competitivas, as academias terão que apostar em inovação e na qualidade dos serviços prestados para não perder clientes. Com isso, deverá haver um aprimoramento da oferta por serviços, que ostentarão uma qualidade cada vez maior e a custos razoavelmente menores.

Uma forte tendência nesse mercado, contudo, são as franquias fitness. Como  a dinâmica da própria economia já sugere, as marcas mais conhecidas tendem a sofrer menos com as crises. E no setor de academias de ginástica isso não é diferente: marcas de renome e respeitabilidade terminam por angariar mais clientela do que os empreendimentos menores e pouco conhecidos.

Para uma empresa se estruturar no mercado, levam-se anos. É preciso trabalho contínuo e árduo para conquistar uma boa reputação e conseguir manter-se firme, mesmo com a economia instável. Muitos empresários já se deram conta desse fato no Brasil e, por isso, a busca por franquias fitness tem crescido exponencialmente ao longo dos últimos cinco anos.

Além da facilidade de contar com um serviço já estruturado e de poder desfrutar de todo o know-how compartilhado pelo franqueador, ainda se ganha em renome e prestígio no mercado, que já conhece e confia na marca.

Apresentando um desempenho positivo, o segmento fitness tem grande potencial, havendo um grande público para atrair. No nosso país, temos uma taxa média de 3,8% da população frequentando academias, o que equivale a aproximadamente 7 milhões de alunos. Para exemplificarmos, tomemos o modelo dos Estados Unidos, em que essa participação é de 14%, e esse país é o maior no segmento fitness.

Nos últimos anos, a prática regular de atividade física tem sido relacionada à saúde e ao bem-estar da população. Isso ajuda a desenvolver a noção de que o exercício é importante para as pessoas. Desse modo, quando o sujeito deixa de frequentar a academia, ele imagina estar em débito com uma prática elementar e primordial para sua saúde.

Para garantir competitividade, contudo, os estabelecimentos devem praticar preços mais equilibrados e justos. Não basta pensar apenas em atrair os alunos, afirma Waldir Soares, Presidente da Fitness Brasil, é preciso pensar em estratégias para manter os clientes.

Desse modo, o empresário precisa estar atento a todas as principais novidades do setor. Embora a musculação seja uma das modalidades mais apreciadas pela clientela, atividades aeróbicas e as diversas modalidades de luta também respondem por grande parte do fluxo de alunos nas academias brasileiras.

Outra forte tendência para o mercado fitness no futuro é a especialização dos serviços. Apesar de não ser uma novidade no mercado brasileiro, as academias de ginástica cada vez mais têm apostado na divisão e especialização dos produtos e serviços para manter o seu crescimento.

Embora o setor não demonstre sinais de deterioração ou saturação, é preciso inovar para crescer e para manter-se competitivo, conquistando o seu lugar ao sol, afirma a consultora Claudia Bittencourt, diretora-geral do Grupo Bittencourt, especializado em franquias.

Outra tendência importante é a maior flexibilidade na frequência dos alunos. Com isso, as academias vêm apostando em planos anuais, semestrais e garantindo maior dinamismo, menos rigidez de horários e concedendo possibilidades de trancamento. Como existe uma dificuldade para quem está sedentário em iniciar a prática de exercícios físicos, é bom garantir menos rigidez no início da relação com o novo cliente.

Praticadas essas ações, a tendência do segmento é ostentar um crescimento e desenvolvimento satisfatórios, superando as crises econômicas e elevando o retorno para o empreendedor.

Razões para investir em franquia fitness

Como dito, esse é um segmento atraente, e, por isso, muitas são as razões para optar por esse investimento. Para ficar ainda mais claro, vamos sistematizar os principais motivos pelos quais as franquias fitness são uma excelente opção para quem deseja iniciar um negócio de sucesso. Confira!

1. Mercado promissor

Como já adiantamos, o mercado fitness é altamente promissor e um dos poucos que consegue manter-se firme, mesmo com as crises e instabilidades próprias do cenário econômico. Hoje em dia, as pessoas entendem a malhação como uma prática de saúde e bem-estar, e não apenas como mais um procedimento estético. Com isso, evitam cortar esse gasto quando a economia torna-se apertada.

2. Possibilidade de ampliar o negócio e vender outros produtos

Nesse segmento, existe a excelente oportunidade de mesclar o empreendimento com a exploração de outros produtos, que podem ser comercializados pelo próprio administrador ou não. Existem vários nichos potencialmente exploráveis por quem administra uma academia — como, por exemplo, a comercialização de suplementos alimentares, aulas de dança, de lutas, procedimentos estéticos e até médicos.

Ou seja, existe uma infinidade de atividades ou produtos que podem ser incorporados ao seu negócio, sem tirar-lhe o foco e sem desvirtuar as regras estabelecidas pela empresa franqueadora.

É possível, até mesmo, recorrer à empresa franqueadora para verificar a existência de produtos ou serviços já oferecidos por eles.

3. Alta demanda do público

O clima do nosso país também e bastante favorável à busca pelo corpo perfeito. A variedade de praias que o Brasil possui e a nossa cultura fazem aumentar a procura pelas academias de ginástica para manter o corpo sarado.

Se o franqueado souber inovar com um atendimento diferenciado e possuir uma gestão competente, as chances de obter o sucesso com uma franquia são bastante elevadas. É preciso apenas obedecer às normas da empresa franqueadora e seguir as orientações e exigências estabelecidas para evitar problemas.

4. Fácil implementação

Após escolher franquia de academia, a implementação da unidade será algo bastante simples. Basta seguir as orientações necessárias para dar início ao novo negócio, o que inclui critérios com relação ao local de instalação, capital de giro, aparência e personalização etc.

Mas a boa notícia é que a franqueadora pode lhe orientar sobre os pontos comerciais ideais, a extensão necessária do prédio para instalar a sua academia, os pontos principais do negócio, entre outros.

Para saber ainda mais sobre como proceder, uma boa dica é conversar com outros franqueados e pedir orientação.

5. Retorno garantido

Seguindo as orientações do franqueador e trabalhando com afinco e eficiência, esse é um empreendimento que tem retorno garantido. Para se certificar da margem de lucro e dos riscos do negócio, aqui também vale a dica de conversar com outros franqueados e procurar saber de suas experiências.

Tipos de franquias fitness para investir

Como já dissemos, o mercado fitness não se restringe apenas à musculação, havendo várias outras modalidades de produtos e serviços a oferecer. Para você ficar por dentro das principais franquias fitness para investir, veja algumas boas ideias!

1. Musculação

Essa é a franquia clássica quando se fala no segmento fitness. A musculação ainda é a atividade preponderante para as pessoas que desejam ter uma vida mais saudável. Mesmo aquelas que praticam mais de uma modalidade de atividade física não abrem mão dessa espécie de exercício para manter o corpo em forma.

2. Academia de dança

Outra boa opção de franquia fitness são as academias de dança, que estão atraindo um público cada vez maior. Esse tipo de atividade, além de trazer benefícios para o corpo e mente, ainda são excelentes fontes de lazer e de interação social.

3. Academias Multifuncionais

Academias de várias modalidades têm a vantagem de atrair vários clientes com diferentes objetivos: emagrecer, aumentar o condicionamento físico, praticar artes marciais, alongar o corpo, dançar e assim por diante.

4. Academias especializadas

Esse é um segmento em expansão, sobretudo para tentar driblar a crise. Investir em academias especializadas é uma tendência no mercado fitness. Atualmente, existem vários empreendimentos no mercado, com treinos funcionais, Mahamudra, crossfit e muitos outros.

Eles têm a vantagem de exigir um investimento menor do que as academias comuns e fidelizar os alunos, pois as atividades são constantemente modificadas e dinâmicas.

Exemplos de franquias de sucesso

Se você já está interessado em investir nesse ramo, fique de olho em alguns tipos de franquias fitness de sucesso. Em geral, são empresas estrangeiras trazidas para o Brasil e que deram certo. Confira!

1. Boali

De propriedade dos  mesmos sócios que trouxeram a rede Salad Creations para o Brasil, em 2007, a Boali possui, atualmente, cerca de 30 unidades em operação.

Ela requer um investimento total a partir dos trezentos e setenta e cinco mil reais, sendo a taxa de franquia no valor de cinquenta e cinco mil, os royalties na faixa dos 6%.

O faturamento mensal gira em torno dos cento e trinta mil reais e o prazo de retorno do investimento é de vinte e quatro a trinta e seis meses.

2. Contours

A Contours é uma rede de academias americana, e que se volta exclusivamente para o público feminino. Do mesmo modo que a Boali, também já conta com trinta unidades no Brasil.

Requer um investimento na casa dos trezentos e cinquenta mil reais, com taxa de franquia de setenta mil e royalties de 8%.

O faturamento mensal equivale a sessenta mil reais e o prazo de retorno varia entre vinte e quatro e trinta e seis meses.

3. Fórmula

A Fórmula faz parte da Bodytech, e as suas unidades oferecem serviços de musculação, treinamento funcional e ginástica. É uma das franquias mais caras, requerendo um investimento de dois milhões e meio de reais para a sua implantação.

A taxa de franquia é de cem mil reais e os royalties são de 8%. O prazo de retorno do investimento é de vinte e cinco a trinta meses.

4. Smart Fit

Essa é uma franquia que cresceu bastante nos últimos anos, e hoje oferece aos clientes preços bem atrativos.

Criada pelo mesmo dono da Bio Ritmo, a Smart Fit possui franquias abertas em quinze estados da federação. O investimento é de novecentos e cinquenta mil reais, com taxa de franquia a partir de cem mil reais.

5. Tribo Fitness

Trazida para o Brasil em 2011, a Tribo Fitness é uma empresa americana que atua no nosso país através do licenciamento de box e por meio da venda de equipamentos para prática de exercícios físicos.

A empresa disponibiliza toda a sua expertise na montagem do box, orienta o franqueado na seleção do imóvel para a instalação da academia, oferece treinamento de coaches, além de ajudar na construção do seu próprio site e de seus materiais de comunicação. O investimento inicial fica a partir de cem mil reais.

Como vimos, para quem quer adentrar ao mundo do empreendedorismo e quer apostar no setor fitness, as franquias são excelentes opções. Com risco reduzido e assessoramento de qualidade, os franqueados podem contar com profissionais de qualidade para lhe ajudar no decorrer do negócio, além de desfrutar de um planejamento empresarial estratégico já estruturado e com resultados conhecidos.

Com isso, todos só têm a ganhar: o empreendedor, que expande seus lucros e vê o seu negócio deslanchar com muito mais facilidade, e o cliente, que pode contar com um serviço de excelência e referência no mercado.

E aí? Conseguimos esclarecer as suas principais dúvidas sobre como anda o mercado de franquias fitness? Então, assine a nossa newsletter e receber em primeira mão mais conteúdos como esse!

1 110

One thought on “Tudo o que você precisa saber sobre o mercado de franquia fitness

  1. Pingback: Franquias: Saiba como inovar no nesse mercado de negócios